Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




assembleia da república

imagem retirada daqui

 

quem tem acompanhado o que escrevo no rasurando já se terá apercebido que recorro recorrentemente (adoro pleonasmos com “rrrrrr”) à grande “bíblia” na nação: a constituição da república.

agora que vamos começar a refletir sobre o poder legislativo para além da “bíblia” – sempre presente-, temos um recurso inestimável: o site do parlamento – www.parlamento.pt

tem havido uma preocupação crescente dos governos na comunicação e transparência (mesmo, sabendo nós, que se transmite o que se quer, e que se é transparente no que se pretende).

embora um eventual embelezamento da informação contida no site será importante ter presente que esta é a fonte oficial e que fará sentido, muitas vezes, confrontar as notícias dos órgãos de comunicação social com aquelas apresentadas no site (sendo que a análise do conteúdo é válida nos dois sentidos – onde está a verdade? algures no caminho  )

a meu ver o site está muito bem estruturado. encontramos toda a informação necessária para compreender o funcionamento da assembleia da república, as caras que a constituem e, inclusive, vídeos que nos ajudam a entender melhor determinados assuntos.

mais uma vez: a informação existe e está disponível, mas quantas cidadãs e quantos cidadãos a consultam?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


5 comentários

Imagem de perfil

De cheia a 25.03.2019 às 21:00

Muitas pessoas dizem que não se metem em política, que isso é para os políticos, como, se tudo não fosse, politica.
Imagem de perfil

De mami a 25.03.2019 às 22:35

muitos dos que referem isso têm apenas preguiça de se informarem!
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 27.03.2019 às 23:10

A plataforma está muito bem organizada.
Imagem de perfil

De mami a 28.03.2019 às 11:14

também achei. é intuitiva e a informação não é apresentada de forma muito complexa, embora a sua complexidade.
Imagem de perfil

De Sarin a 23.04.2019 às 15:16

É isso mesmo! Há que beber informação na fonte, principalmente quando o jornalismo esqueceu deontologia e anda ó tia ó tia em busca de likes.


A verdade nunca está em lado algum por causa da interpretação dos factos, por isso ainda bem que na plataforma se dedicam sobretudo a plasmar os documentos ;)

Comentar




Newton.gif

Não falamos da actualidade, do acontecimento. Nem opinamos sobre uma notícia.

Falamos de política num estado mais puro. Sem os seus actores principais, os políticos - o que torna o ar mais respirável. E os postais sempre actuais; por isso, com as discussões em aberto.

A discussão continua também nos postais anteriores, onde comentamos sem constrangimentos de tempo ou de ideias.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.